domingo, 19 de setembro de 2010

Sorvete de Creme com Coulis de Amora Silvestre.

Depois de um jantar beneficente, no domingo após o almoço, eu e a Jéssica resolvemos dar um destino às amoras que apanhei à uma semana na chácara dos meus avós. Estavam na geladeira e eu temia que se ficassem por mais tempo poderia perder todo o trabalho que tive para colhe-las.

Primeiro pensei em fazer uma calda quente para realçar o sorvete de creme edição limitada da Nestlé. Mas o dia está um pouco quente e tive a idéia de fazer o coulis fresco de amora.
Misturei pouco mais de 2/3 de açúcar refinado para o peso de amora, e dei uma leve mexida para elas soltarem o seu suco.

Bati suavemente no liquidificador e pensei até em peneirar, mais fiquei com dó de desperdiçar toda a polpa sulculenta.
As frutas, que estavam na geladeira, levemente batidas com açucar, passaram um frescos a mais do que se tivesse apurado no fogo. e a Jéssica teve um outra super ideia. Por que não, bater parte do sorvete com o coulis. Fizemos as duas versões. a dela e a minha. Que vocês podem conferir nas fotos a seguir.

Um comentário:

  1. Parabéns pelo blog, Alisson ! Você tem um jeito especial com as palavras, assim como tem com os ingredientes !

    ResponderExcluir